Capitã Marvel

Capitã Marvel | Crítica com Spoilers

Na última quinta feira, 07 de março, estreou o primeiro filme solo de uma heroína da Marvel Studios. Capitã Marvel é um daqueles filmes em que o marketing massivo deixa a sua expectativa muito alta e acaba desapontando por não conseguir supera-la.

Capitã Marvel tem sua importância dentro do MCU, por ser o primeiro filme solo de uma heroína da Marvel e apresenta a personagem mais poderosa dos Vingadores. Uma personagem que mostra o empoderamento feminino e alguém que pode substituir o Capitão América como líder de uma possível nova formação da equipe, mas isso não foi o suficiente para agradar. O filme contem muitos erros, que já foram vistos em outros longas do MCU, que desagradam e acabam tornando a experiência monótona, confusa e com muitas piadas desnecessárias.

Sabemos que todos os filmes do MCU são adaptações dos quadrinhos, e algumas vezes são muito bem adaptados, mas também de vez em quando essas adaptações desagradam e acabam diminuindo muito os personagens e suas historias. Esse foi o caso da própria protagonista, Carol Denvers/Capitã Marvel que foi muito bem interpretada por Brie Larsson, perdeu muito de sua complexa história quando a mesma foi contada por flashbacks repetitivos e sem profundidade, nos deixando a quem do que realmente importa no passado da heroína. Não vimos seu passado difícil e complexo com reviravoltas e conquistas após suas derrotas, contexto que já foi bem explorado em filmes anteriores como quando foi apresentado em Capitão América: O Primeiro Vingador. Tudo foi simplesmente jogado em cenas rápidas e sem valor sentimental.

Nick Fury e a SHIELD também foram tratados com desdém, principalmente quando nós vemos que o grande espião “Badass” da Marvel é visto como um “orelha”, que não sabe nada do que acontece e sendo apenas um bobalhão acompanhando toda a ação, não fazendo quase nada do que tem potencial. A maquiagem digital em Samuel L. Jackson foi muito bem feita, mas quando o ator precisa fazer cenas de ação vemos um senhor correndo ao lado da Capitã, essas cenas nos tiram da imersão criada na ambientação dos anos 90 com Nick mais novo.

As explicações também são fracas e muito rasas trazendo um roteiro preguiçoso e previsível, uma inversão fraca e esperada dos vilões, que fez com que os grandes vilões do Universo Marvel não passassem de meros refugiados, bonzinhos e que apenas não possuem um lar. Vale mencionar que nem todos os Skrulls são maus, mas Talos sofreu uma adaptação muito boa, mas com um background e uma reviravolta muito ruim, já que os Skurlls possuem uma das mais interessantes e controversas sagas da Marvel nos quadrinhos, saga essa que poderia ser adaptada de maneira grandiosa nos filmes, e que infelizmente não veremos.

Alguns momentos do filme podem ser comparados ao primeiro filme solo de Thor, com passagens importantes para todo MCU, mas seguidos de explicações preguiçosas e falta de ação e até mesmo momentos grandiosos. Tudo o que é relacionado aos outros filmes é explicado com piadas fracas, que diminuem muito todo o Universo, como no caso do olho de Fury, do pager que aparece ao final de Guerra Infinita e a maneira como o Tesseract foi parar nas mãos da SHEILD, fatos que realmente não passam de piadas sem graça alguma.

brie-larson-capita-marvel-ccxp

Mas nem tudo foi ruim, a adaptação de Mar-Vel é muito bem resolvida e agrada, mesmo sendo simples é bem explicada, e a maneira como a heroína ganha seus poderes também é excelente, junto com a cena pós crédito que mostra a Capitã se encontrando com os Vingadores que estão na Terra. Apenas isso fez sentido em Capitã Marvel, que sem sombra de duvida é um dos piores filmes de todo o Universo Cinematográfico Marvel até hoje.

Capitã Marvel não agrada, mas isso não é culpa das atuações e nem do elenco que foram muito bem dentro da proposta preguiçosa do estúdio e dos diretores. A heroína poderia ter sua história contada com mais calma após os eventos de Ultimato sem problema algum e a Marvel Studios precisa parar de transformar seus heróis em “bobalhões” e começar a levar mais a sério seus 10 anos de história.

Confira também nossas redes sociais:

Facebook – https://www.facebook.com/sitenaoseinada/

Instagram – @sitenaoseinada

Twitter – @sitenaoseinada

Anúncios

1 thought on “Capitã Marvel | Crítica com Spoilers

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: