The Walking Dead – Porque fazem isso com a Carol?

A sétima temporada de The Walking Dead continua apresentando os novos personagens da série, no segundo episódio vimos Rei Ezekiel. Ele que é o Rei de “O Reino”, uma figura que prometer trazer uma virada para a vida de todos em TWD, foi muito bom ver a semelhança física de Khary Payton com o Ezekiel da HQ, e claro que não faltou a tigresa Sheva ao seu lado. Mas o episódio foi um pouco lento e mostrou muito sobre o Rei, e pode até parecer coincidência, mas quando a Carol aparece os episódios ficam assim, lentos e sem graça.

Porque estão fazendo isso com essa personagem que ganhou muito destaque na série?

A sétima temporada de The Walking Dead continua apresentando os novos personagens da série e no segundo episódio vimos Rei Ezekiel. Ele que é o Rei de “O Reino”, uma figura que prometer trazer uma virada para a vida de todos em TWD.

Foi muito bom ver a semelhança física de Khary Payton com o Ezekiel da HQ, e claro que não faltou a tigresa Sheva ao seu lado. Mas o episódio foi um pouco lento e mostrou muito sobre o Rei, e pode até parecer coincidência, mas quando a Carol aparece os episódios ficam assim, lentos e sem graça.

Porque estão fazendo isso com essa personagem que ganhou tanto destaque na série?

The Well foi o segundo episódio da temporada que promete ser a melhor da série, e somos apresentados ao Rei Ezekiel (Khary Payton) que realmente é muito parecido com o personagem da HQ. Com sua tigresa Sheva, o Rei chegou na série como todos os fãs esperavam, mostrando que é sim o chefe do Reino. Mas o mistério foi quebrado logo de cara, quando ele conta sua história para Carol.  É claro que Ezekiel vai ser um dos principais personagens dessa temporada, mas bem que poderiam esperar um pouco mais para contar quem ele é de verdade.

the-walkind-dead-rei-ezekiel-hq

O episódio estava indo bem até que Carol começou a aparecer com mais frequência, desde o final da sexta temporada a personagem interpretada por Melissa McBride não anda muito bem. A narrativa sobre as dificuldades de Carol são lentas, e mudam muito, fazendo com que a identificação que tivemos com ela acabe aos poucos. Isso não é culpa da atriz, que realmente é uma das melhores de toda a série, mas parece que os roteiristas tem algum problema em manter a personagem interessante, espero realmente que melhorem isso, pois dá a impressão que todo episódio que ela aparece é muito fraco (da metade da sexta temporada pra cá).

Realmente The Walking Dead continua com seu modelo já esperado, com um episódio arrebatador e um de respiro, mas isso não estragou a narrativa que vem sendo muito bem construída.

The Walking Dead vai ao ar todo domingo as 23:30 na Fox. Veja o que achamos do primeiro episódio da sétima temporada de TWD

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: