Operação Fronteira (Triple Frontier)| Crítica

Operação Fronteira (Triple Frontier) é um filme Original Netflix com muitos astros de Hollywood, entre eles Ben Affleck e Oscar Isaac. Um longa com ação moderada, mas que passa uma mensagem interessante e inesperada.

Em alguns momentos a produção do filme se assemelha muito com um longa feito para televisão, mas logo depois vemos muitos atores famosos e cenas de ação tipicamente hollywoodiana. O filme sempre flutua entre ótimas cenas de infiltração e ação militar, com diálogos fracos sem muita expressão o que faz com que esqueçamos um pouco da história principal, e até mesmo o que realmente ele quer passar.

Somente quando começa a interação dos seus personagens principais juntos que vemos a intenção e a mensagem que  o diretor J.C. Chandor quer passar com esse longa. Realmente surpreende quando o clichê sai de cena e somos apresentados a uma nova história sobre amizade e o que importa de verdade.

No filme Tom Davis (Ben Affleck), Santiago Garcia (Oscar Isaac), Francisco Morales (Pedro Pascal), William Miller (Charlie Hunnam) e Ben Miller (Garrett Hedlund) são cinco ex-soldados das Forças Especiais dos Estados Unidos que decidem se reunir para executar um plano arriscado: roubar um poderoso senhor do crime na fronteira que separa o Brasil da Colômbia e do Peru. No entanto, quando o esquema dá errado, os antigos companheiros de batalha se verão forçados a embarcar em uma épica luta por suas vidas.

Operação Fronteira vale seu tempo, principalmente se visto como um filme que fala sobre amizade e valores reais, onde o dinheiro na verdade é uma pequena tentativa de fugirmos do que realmente somos.


Operação Fronteira já está disponível na Netflix.


Confira também nossas redes sociais:

Facebook – https://www.facebook.com/sitenaoseinada/

Instagram – @sitenaoseinada

Twitter – @sitenaoseinada

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: