animais fantaasticos 2

Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald | Crítica

O Mundo Bruxo começa a mergulhar nas trevas com Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald, que se mostra como o filme mais sombrio e adulto de toda a saga de J.K.Rowling. Apresentando um vilão realmente poderoso e cenas muito mais intensas do que as apresentadas no primeiro longa dessa nova fase.  

Não vou me atrever a comparar os novos filmes com a saga de Harry Potter, mesmo porque acredito que a autora J.K.Rowling está tomando um novo rumo e deixando a historia do universo bruxo mais adulta e diferente do que conhecemos.  Essa mudança deixou o universo mais sombrio e com enigmas que vão se desenrolando dentro do próprio filme e que não se arrastam para os demais que virão no futuro, mas no final somos surpreendidos com uma revelação bombástica que muda tudo e deixa o expectador com mais dúvidas e criando muitas teorias do que está por vir.

Spoilers Abaixo:

Quase tudo foi muito bem explicado dentro da trama, sempre com pequenos detalhes e pontos que passam desapercebidos quando assistimos ao filme pela primeira vez, e que nos levam para uma revelação final muito impactante, que apresentado sutilmente em cada um desses pequenos detalhes durante todo o filme. As demais tramas e subtramas são muito bem explicadas e resolvidas, algumas  poderiam ser encurtadas e outras ganharem mais destaque na história, mas vale lembrar que a saga terá 5 filmes então teremos ainda muitas continuações pela frente.

animais-fantasticos-crimes-grindelwald

Vamos falar um pouco mais sobre os principais personagens apresentados no longa começando com Grindelwald, o vilão que leva o nome do filme,  (esquecendo o caso de Johnny Depp e priorizando apenas seu ótimo trabalho em Animais Fantásticos 2). A primeira cena do filme apresenta o vilão em uma fuga eletrizante onde nos é apresentado o verdadeiro poder de Grindelwald, e conhecemos o porque de nenhum bruxo conseguir conte-lo, seja na magia ou em seu maior “poder”, a persuasão incrível de suas palavras.  O discurso final do bruxo demonstra muito a sua personalidade e a real intenção de seus atos, sempre calmo e ao mesmo tempo assustador Grindelwald é sem dúvida um grande antagonista para todos os filmes da franquia Animais Fantásticos.

Dumbledore é sem dúvida o personagem que mais ganha camadas dento do Mundo Bruxo, sempre enigmático o professor de Hogwarts parece doce e sempre solicito, pronto para ajudar os “heróis” e a paz no mundo bruxo, mas J.K. sempre consegue nos deixar pensativos quando vemos e estudamos os atos de Dumbledore. Vale prestar muita atenção em todas as cenas do Bruxo, principalmente quando ligamos os pontos entre ele e Grindelwald quanto ao bem estar e proximidade com Credence.

Newt Scamander continua interessante demonstrando sua importância  na luta contra o vilão, apenas sua relação com Tina poderia ter sido melhor explorada, mas infelizmente não aconteceu. E Nagini que tanto foi falada e levou os fãs de Harry Potter à loucura foi apenas um fan service e nada mais dentro da trama, mesmo estando sempre com Credence, que se mostrou importante dentro desses novos filmes ainda não conseguimos conhecer a fundo a história da personagem e nem sua futura ligação com Voldemort.

Leta  Lestrange tem um maior destaque em AF 2 apresentando uma historia da família Lestrange muito interessante e que valeu muito a pena ser explorada. Com ela foi possível entender um pouco mais do porque de os os Lestrange serem vistos com tanto medo no Mundo Bruxo.

animais-fantasticos-crimes-grindelwald-credence

Já a grande revelação final deixará muitos fãs impressionados e impactados com a apresentação de um novo membro da família Dumbledore. Algo totalmente inesperado, mas que como disse no começo do texto foi apresentado durante todo o filme em pequenos momentos durante a trama como, por exemplo,  o fato de Dumbledore querer Credence vivo de qualquer maneira, ou mesmo de não querer parar a procura de Grindelwald pelo Obscurus, além do pequeno filhote de Phoenix que Credence carrega e cuida durante sua jornada são algumas dessas “dicas” que são reveladas, mas que só conseguimos ligar os pontos quando sua história de origem é apresentada.

Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald surpreende e torna o Mundo Bruxo cada vez mais interessante, seja explicando um pouco do universo de Harry Potter ou apresentando uma história complexa e intrigante sobre a primeira e famosa guerra bruxa.

Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald vale o ingresso e estréia dia 15 de novembro nos cinemas.

 


Acompanhe também nossas redes sociais:

Facebook – https://www.facebook.com/sitenaoseinada/

Instagram – @sitenaoseinada

Twitter – @sitenaoseinada

NãoSeiNadaCAST é o podcast do site Não Sei Nada que tem o intuito de trazer humor para os assuntos mais sérios do universo Nerd/Geek. Apresentado por amigos que adoram falar sobre esses assuntos de uma maneira descontraída e sem grandes pretensões, apenas mostrando nosso amor e paixão pela cultura Pop e que podemos discutir com opiniões diferentes, mas sempre se entendendo e rindo muito.

Anúncios

3 thoughts on “Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald | Crítica

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: