Análise/Crítica – Zootopia: Essa Cidade é o Bicho

Quando a Walt Disney Animation Studios resolve fazer uma animação de qualidade ela consegue. Principalmente quando une os diretores Byron Howard (Bolt – Supercão) e Rich Moore (Detona Ralph) e o compositor Michael Giacchino (Divertidamente), que juntos conseguiram proporcionar uma experiencia fantástica para todos que estavam na sala do cinema para ver Zootopia.

Essa animação maravilhosa mostra um mundo onde animais predadores e presas vivem juntos, de maneira civilizada, até mesmo com suas diferenças. E mesmo assim consegue abordar com sutileza alguns problemas da sociedade moderna, como discriminação e preconceito, mostrando muitas mensagens para adultos e crianças de maneira divertida e engraçada.

A protagonista Judy Hopps, dublada em português pela apresentadora Monica Iozzi rouba azootopia 010 cena, uma coelha forte e independente que sempre diz que podemos ser o que quisermos independente de nossas limitações, mas que tem um “pé atrás” quando precisa ficar perto de raposas. Até que é apresentada ao raposo Nick Wilde (voz de Rodrigo Lombardi) e apesar de suas diferenças eles se unem por um bem maior, e assim começa a aventura que envolve os dois e todos os animais de Zootopia.

Um mundo tão fantasioso e tão bem elaborado, que em alguns momentos cria uma imersão tão grande, que você esquece que é uma animação e começa a associar os animais com os humanos. Tudo funciona com uma sincronia que não tem igual, desde a interação dos personagens que estão no plano de fundo, até a trilha sonora que é impecável e cativante. O humor é muito sutil e faz adultos e crianças rirem, mesmo no momentos em que é feita alguma referência a séries e filmes, ou no momento das preguiças em que todos não paravam de rir (deu até dor na barriga).

zootopia-flashA animação em si é muito boa e a cidade se parece um pouco com Tomorrowland, mas sem a parte futurista. A dublagem foi muito bem feita, apesar de eu sempre reclamar quando tem um famoso na dublagem, confesso que desta vez Monica Iozzi (Judy Hopps) e Rodrigo Lombardi (Nick Wild) fizeram um excelente trabalho, e até mesmo o jornalista Ricardo Boechat que faz a voz do famoso jornalista da bancada do Zoo News, o apresentador Boi Chá.

Zootopia – Essa Cidade é o Bicho estreia nos cinemas brasileiros em 17 de março. Vale muito a pena reunir uma galera ou a familia para assistir essa animação que é uma das melhores da Walt Disney Animation Studios, realmente muito boa e cativante.

Nota: classificação 5

 

 

SINOPSE

Zootopia é uma cidade diferente de tudo o que você já viu. Formada por “bairros-habitat”, como a elegante Praça Sahara e a gelada Tundralândia, essa metrópole abriga uma grande diversidade de animais irreverentes sempre prontos para encarar uma nova e divertida aventura. Quando Judy Hopps (voz de Monica Iozzi) chega em Zootopia, ela descobre que ser a primeira coelha da equipe da polícia, formada por animais grandes e fortes, não é nada fácil. Determinada a provar seu valor, ela embarca em uma aventura atrapalhada e bem humorada, ao lado do malandro raposo Nick Wilde (voz de Rodrigo Lombardi) para desvendar um grande mistério.

Além de Monica Iozzi e Rodrigo Lombardi emprestarem suas vozes para os protagonistas do filme,  Judy Hopps e Nick Wilde, na versão brasileira do filme, o jornalista Ricardo Boechat dá voz ao personagem Boi Chá, o famoso jornalista da bancada do Zoo News. Para deixar tudo ainda mais divertido e com muito brilho, a cantora Shakira dará voz à personagem Gazelle, a maior estrela pop de Zootopia, além de interpretar a canção “Try Everything”, da trilha sonora do filme. Dos mesmos criadores de Frozen e Operação Big Hero, Zootopia estreia 17 de Março nos cinemas.

Este slideshow necessita de JavaScript.

2 thoughts on “Análise/Crítica – Zootopia: Essa Cidade é o Bicho”

  1. Muito boa crítica, obrigado, um dos meus filmes favoritos a história é realmente incrível e dá-nos uma lição: “Você pode ser o que quiser”, Judy Hopps nos ensina a lutar para alcançar esse sonho que você tem com todo o meu coração. Além disso, ele tem muitos valores para ensinar, coragem, coragem, confiança, amizade, etc. É um filme não só para as crianças, porque tudo o que podemos aprender com o que ela nos ensina.

Deixe uma resposta