Crítica – Fallen: O Filme

Um amor entre anjos caídos e uma mortal que é amaldiçoado por milênios já vendeu milhares de livros no mundo todo e hoje, 08 de dezembro, sua aguardada adaptação estreia nos cinemas de todo o país. Conferimos a história de Fallen, baseada na saga de livros de Lauren Kate e agora contamos o que achamos deste novo filme.

Fallen é o livro que inicia uma saga de 4 volumes com os outros títulos como Tormenta, Paixão e Êxtase. A série de livros é bastante conhecida e tem muitos fãs e já deixo claro que não conheço a história dos livros e esta crítica falará apenas da versão cinematográfica da obra.

Responsabilizada pela misteriosa morte de seu namorado, Luce é mandada para o reformatório Sword & Cross, onde se aproxima de Daniel Grigori, sem saber que ele é um anjo apaixonado por ela há milênios. Ao mesmo tempo, a protagonista da trama não consegue se manter afastada de Cam Briel, que também é um anjo e há tempos luta pelo seu amor. A personagem começa então a descobrir segredos de seu passado e sua ligação com essa história que se repete por diversas vidas.

A história de um amor entre uma humana e seres místicos é interessante e uma grande conhecida do público, com isso é comum que o primeiro pensamento seja uma comparação com a Saga Crepúsculo e algumas cenas, como o primeiro encontro dos protagonistas, por exemplo,  nos trazem essa clara lembrança. Fallen inova por abordar a história de anjos caídos que após uma guerra entre o bem e o mal se veem obrigados a escolher um lado, mas são punidos a vagar pela terra quando um dos anjos caídos decide escolher o amor humano.

Com um elenco de novos atores o filme tem toda uma atmosfera gótica e sombria que destaca os conflitos internos que seus personagens estão vivendo. As atuações deixam um pouco a desejar, mas não atrapalham o desenvolvimento da história. Seu enredo é um pouco óbvio em algumas passagens e em outras os fatos ocorrem de forma muito rápida, tirando a expectativa de descobrimento do que irá acontecer.  E por ser uma saga que contará com sequências seu final deixa um pouco a desejar por acabar meio que do nada.

O filme não será um grande destaque de bilheterias, mas atende bem seu objetivo, mostra uma nova história de amor e descoberta pessoal da protagonista com o mundo em que vive, e pelo que pude observar irá agradar tanto os fãs da série de livros quanto quem está conhecendo a história pela primeira vez. Comecei a ler o livro e em breve você poderá conferir também nossa análise da obra de Lauren Kate.

Nota: 

Anúncios

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: