Ontem (01/05) foi ao ar na HBO o segundo episódio da sexta temporada de Game of Thrones, e com ele muitas pontas que ficaram soltas no final da quinta temporada foram amarradas.

Este texto contem Spoilers!!!

A HBO surpreendeu a todos nesses dois episódios, e mesmo que sem muita ação os acontecimentos deixaram os fãs de cabelo em pé, até porque muito do que apareceu não está nos livros e mesmo assim os roteiristas estão fazendo muito bem o seu trabalho. Agora vamos falar um pouco deste episódio que teve um final maravilhoso
e esperado.

Esperamos uma semana para ver o que iria acontecer com Jon Snow, mas uma das coisas que chamou muita atenção neste episódio foi a Casa Lannister, onde vimos Jaime conversando com seu sobrinho/filho Tommen Baratheon (O Rei) e pelo diálogo percebemos que o Cavaleiro chegou para realmente tomar conta de Porto Real (King’s Landing), mostrando para Tommem que ele é o Rei e que deve proteger acima de tudo sua família. Enquanto isso vimos o primeiro “embate” entre o “Alto Pardal” e Jaime, fato que promete ser uma das batalhas mais interessantes dessa temporada, não sei se vamos ver lutas de espadas, mas que vamos ter uma batalha de influências e diálogos de arrepiar, isso vamos ter.

Finalmente vimos Bran treinando com o Corvo de Três Olhos, e algumas revelações foram feitas, o passado dos Stark e aparentemente do amigo de Bran, Hodor/Willis que me deixou intrigado com a revelação de que ele estava presente na vida de Ned e seus irmãos. Parece que finalmente vamos ver o que aconteceu na Torre da Alegria, e será que Hodor sabe de alguma coisa? Bran vai ser mesmo tão poderoso como pareceu ser nesse episódio? E quem é aquela criança estranha que estava olhando para Bran, e existem mais crianças como ela?

Uma das partes que mais me chamou atenção e que fiquei mais tenso foi quando Tyrion Lannister foi ao encontro dos Dragões de Daenerys, o anão mostrou que sabe o que está fazendo. Por ler muito sobre Dragões e ter um obsessão por eles quando criança, Tyrion mostra que não é apenas um Targaryen que pode se aproximar e quem sabe montar em um Dragão. Agora resta saber se os Dragões que foram soltos por Tyrion vão atrás de sua Mãe.

Ramsey Bolton mostrou o quanto é cruel quando dá um golpe e toma o poder de Winterfel da maneira mais baixa possível, como era de se esperar dele. E nas Ilhas de Ferro vemos pela primeira vez Euron Greyjoy, em uma cena que vai mudar muito o destino das Ilhas de Ferro. Arya continua com seu treinamento e ainda está cega, enquanto sua irmã Sansa continua a caminho da Muralha sem saber o que aconteceu com Jon Snow.

Finalmente vamos para a Muralha onde Melisandre surge jovem e bela novamente (graças aos bons Deuses), e a chegada no momento certo dos Selvagens c com uma participação incrível do gigante durante a cena. Depois disso Sor Davos vai atrás de Melisandre, e vemos como é interessante o papel deste personagem em uma cena mostra que mostra a evolução dos ambos, e a troca de papéis. Enquanto Melisandre está descrente e não quer mais entrar em contato com seu Deus, Sor Davos mostra que tem fé na sacerdotisa, e que acredita que ela pode fazer a diferença. Todos ficam de olho enquanto a Mulher de Vermelho faz o seu “saravá” sinistro, e quando nada acontece, os presentes deixam a sala com a cabeça baixa acreditando que aquilo não ia funcionar, menos o Lobo Gigante, Fantasma, que permanece ao lado de seu dono. Quando de repente… Pah!!!!

Jon Snow acorda e todos nós ficamos comemorando como crianças, e aquela pergunta surge. Será que Jon é mesmo o Azor Ahai?

jon-snow-divulgacao-game of thrones

Game of Thrones continua sendo uma série emocionante e espetacular, agora vamos voltar aquela angústia de ter que esperar por mais uma semana para ver o que “João das Neves” vai fazer.


Confira também nossas redes sociais:

Facebook – https://www.facebook.com/sitenaoseinada/

Instagram – @sitenaoseinada

Twitter – @sitenaoseinada

CONHEÇA NOSSO PODCAST

NãoSeiNada Podcast é o podcast do site Não Sei Nada que tem o intuito de trazer humor para os temas mais diversos do universo Nerd/Geek. Apresentado por amigos que adoram falar sobre esses assuntos sempre que estão juntos, de uma maneira descontraída e sem grandes pretensões, apenas para mostrar nosso amor e paixão pela cultura Pop.