assassinato no expresso do oriente

Assassinato no Expresso do Oriente – Crítica

Assassinato no Expresso do Oriente estreou nos cinema e acerta em muitos pontos ao apresentar um belo trabalho por conta da direção de Kenneth Branagh que fez um filme lindo cheio de surpresas como um Hercule Poirot (Kenneth Branagh) que deixaria Agatha Christie muito feliz.

O longa é uma adaptação do romance de Agatha Christie, e essa não é a primeira adaptação de Assassinato no Expresso do Oriente. O diretor Kenneth Branagh conseguiu fazer um filme lindo com muitas cenas em plano sequencia para apresentar os personagens e
o cenário.

Com um elenco de peso que contou com nomes como Johnny Depp (Edward Ratchett), Josh Gad (Hector MacQueen),  Derek Jacobi (Edward Masterman), Penélope Cruz (Pilar Estravados), Willem Dafoe (Gerhard Hardman), que em um momento de virada de seu personagem é possível ver a atuação de maneira esplendida, e Daisy Ridley (Mary Debenham). Outros destaques são Michelle Pfeiffer (Caroline Hubbard) e o próprio diretor Kenneth Branagh que interpretou um Hercule Poirot com seu bigode majestoso e sua sagacidade que em alguns momentos é caricata, mas agrada quem assiste.

Realmente Assassinato no Expresso do Oriente é um filme muito tecnico com cenas bem filmadas, cheio de cores, com um figurino
impecável e uma trilha sonora que agrada, sendo assim vale muito o ingresso.

Nota: classificacao-positiva


Confira também nossas redes sociais:

Facebook – https://www.facebook.com/sitenaoseinada/

Instagram – @sitenaoseinada

Twitter – @sitenaoseinada

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: